Lime Crime e a minha aversão pela marca

Oi todo mundo!
Esses dias postei a minha maquiagem preferida da minha guru favorita, a profoundtorture, lá na página do facebook do blog, e eu comentei que eu odiava a Lime Crime. A Thaysa, uma leitora que curtiu a página, perguntou pra mim por que eu não gostava da Lime Crime e eu expliquei lá nos comentários pra ela, mas eu resolvi dedicar um post só pra isso, para que vocês entendam que a minha aversão não é gratuita pela marca.



Primeiramente, essa é a minha opinião pessoal, isso não significa que eu estou tentando te convencer a boicotar a marca. Só que eu prefiro gastar o meu dinheiro (que não dá em árvore) em marcas que sejam íntegras com os seus consumidores. Então a Lime Crime não é a única marca da qual eu me recuso a comprar produtos. Segundo que eu não me importo se isso vai impactar negativamente na imagem do blog, ou se (tali)fãs da marca vão vir defendê-la. O blog não é o meu trabalho, muito menos uma fonte de renda, é só um lugar onde eu compartilho as coisas que eu gosto e que eu acho relevantes.

Zodiac Glitter
Não sei se vocês se recordam, mas quando o Zodiac Glitter foi lançado, ele estava na seção de face da marca, e em sua descrição estava escrito que não era recomendado para o uso nos olhos, o que é completamente compreensível, sendo que o glitter que pode ser utilizado nos olhos deve ser bem fino, por causa do risco de lesões ao globo ocular. MAS, se você for analisar novamente o site da Lime Crime, vai ver que esse glitter está na seção de OLHOS com a seguinte descrição: "Multi-dimentional, multi-purpose glitters inspired by the signs of Zodiac." Traduzindo: Glitters multi-dimensionais e multi-uso inspirados pelos signos do zodíaco. Contraditório, né?

Os blogueiros só podem falar positivamente sobre a marca

Se alguém faz uma resenha negativa ou regular sobre a marca, como aconteceu com a Christine do Temptalia, que resenhou os batons da Lime Crime e falou claramente sobre os defeitos deles ao longo do tempo, e recebeu um tratamento hostil da equipe de marketing da marca. Desde então, a Christine não resenha mais as coisas da Lime Crime.
Além disso, a Anastasia do blog Lipstick and Lightsabers (que está em Hiatus), postou em seu blog que alguns dos pigmentos da Lime Crime eram nada mais do que pigmentos puros da TKB Trading (uma empresa que revende pigmentos e micas para mistura). Nesse post, também, a Anastasia mostra todas as polêmicas envolvidas com a Lime Crime, como a resposta ameaçadora que a blogueira Grey, do blog Le Gothique recebeu após resenhar os batons da marca, assim como um link para o post original. Recomendo muito a leitura desse post inteiro do blog Lipsticks and Lightsabers para entender tudo sobre esse acontecimento da Lime Crime!

Paleta Chinadoll
Nem todo mundo recebeu positivamente o brieffing da paleta Chinadoll, algumas pessoas consideraram ofensivo, racista e com uma visão eurocêntrica, como foi o caso da Mai do blog Portrait of Mai, que postou sobre esse brieffing da paleta, e postou também as respostas da própria Doe Deere, que você pode conferir aqui e aqui.

Hitler?!
A raínha dos Unicórnios, Doe Deere, tem uma foto onde ela se fantasiou de Hitler em um halloween. Caso vocês estiverem curiosos, vocês podem ver a foto aqui. Como eu já havia dito para a Thaysa, não é nem sobre a marca em si e os produtos não tem relação com essa atitude da dona da marca, até porque não procuro saber sobre a índole das pessoas de quem eu compro os meus produtos, é só uma informação adicional e completamente parcial.

Tá, mas como você sabe de tudo isso? Simples, eu achei um blog do tumblr que conta exatamente todas as polêmicas em volta da lime crime, tem uma lista de produtos que você pode encontrar que são parecidos com os da lime crime e outras informações relacionadas á marca. Pra quem quiser saber, o blog é o Doe Deere Lies.

Repetindo: essa é a MINHA opinião. Não tenho produto nenhum da Lime Crime e não pretendo comprar. Se você tem, quer ou continuará comprando, eu não tenho nada a ver com isso. Tudo o que eu fiz aqui foi expor as minhas pesquisas, o que eu acredito e explicar porque não gosto da marca.

Espero que tenha ajudado! Beijos!

Posts Relacionados

9 comentários

  1. Hóo. Pra ser sincera, eu não conhecia a marca. E nem quero conhecer!! Acho horrivel marcas que não aceitam as críticas. E esse negocio de Hittler, com certeza não pegou bem.
    beijos, likearocklikearoll.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. É Foda marcas que não aceitam críticas, apesar que eu acho as maquiagens da lime crime muitos bonitas e parecem ser bem pigmentadas, mas foi ótimo a tua opnião e o teu esclarecimento sobre a marca, Eu vi o teu comentário numa make que fiz e estou te seguindo aqui no blog e curti a tua fã page. http://womeniinblack.blogspot.com.br/ Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Ca-ram-ba!! Fiquei chocada com isso. Vou desvincular imediatamente o banner deles do meu blog.
    Não sabia que a dona da marca era facistinha assim, não. Que nojo!!
    Não quero ser afiliada uma marca que não sabe lidar com críticas e, principalmente, não quero estar associada, não quero a amizade, ou simpatia, ou colaborar pro sucesso de gente nazi/facista.

    Beijo, Lubbyh.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Melissa, o mais irônico é que a Doe Deere é descendente de russo, e os avós dela são judeus. Estranho, né?
      Eu não tinha conhecimento dessas coisas até conhecer o Doe Deere Lies. Até queria comprar a paleta da marca!
      Beijos!

      Excluir
  4. Não sabia dessas informações sobre a marca! Fiquei horrorizada também! O problema dos grandes blogs hoje em dia é exatamente isso: já não se sabe se aquela resenha é verdadeira ou comprada. Acho muito estranho só ver resenhas positivas, é muito raro alguém falar que não gostou de algo.

    Beijos!
    http://pinupinsana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente, Carolina, é bem assim que funciona. Têm muitos blogs que eu parei de ler justamente por isso, porque acho que muita adoração por determinada marca ou é propina, ou é desejo por status.
      Tinha blog que eu acompanhava desde quando comecei, que parei de visitar, porque não há mais sinceridade em resenha, apesar de ressaltarem que tem. Não tem mais.
      Beijos!

      Excluir
  5. Eu nunca comprei cosméticos da marca, mas minha amiga tem vários eu eu adoro os produtos. Sendo sincera mesmo, pra mim não faz nenhuma diferença que ela tenha se vestido de Hitler, porque quem fica mal é ela. Se os cosméticos forem bons, to usando. Mas deu pra entender perfeitamente o seu ponto :)

    ♥ Blog Cerejas no Topo:
    http://www.cerejasnotopo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como eu disse, a informação sobre hitler é completamente parcial. A opção de usar os cosméticos da marca é pessoal, se você acha bonito, por que não usar, né?
      Beijos!

      Excluir
  6. Eu acho as cores lindas e tudo mais. Usaria numa boa. Acontece que ainda 'soy pobre', e enquanto isso não posso usar Prada nem Channel. kkkkkkkkk
    Assim Rubia, no sério, acho as cores lindas e tal... mas tenho uma aversão quanto esse negócio de "Marimoon achar lindo, cute cute" e usar, e todas as garotas descoladas usarem. Fora isso, se alguém me der de presente, eu tô usando, mas ainda tendo a minha opinião!

    ResponderExcluir

Artes e desenvolvimento por Rubia Del Vecchio. Tecnologia do Blogger.

Flickr Images